BLOG

Desconto de R$ 45 na Linha Turismo de Curitiba!

Novidades

Desta a terça-feira, dia 15 quem tem o cartão transporte de Curitiba tem uma redução de mais de R$ 40 na passagem da Linha Turismo. A promoção vai até o dia 20 de dezembro e tem o objetivo de incentivar o uso da linha por moradores de Curitiba.

De acordo com um decreto publicado no Oficial Municipal no dia 4 de outubro, usuários podem usar o Cartão Usuário (veja como carregar) e pagar o preço normal da tarifa de R$ 4,50 nos passeios da Linha Turismo. O valor da tabela da Linha Turismo é R$ 50. Ou seja, uma economia de R$ 45,50.

A tarifa especial da Linha Turismo vale apenas durante três dias da semana: terças, quartas e quintas-feiras. Numa viagem na linha especial de ônibus de dois andares é possível conhecer 26 pontos turísticos da cidade: os principais parques, praças e atrações da cidade.

A Linha Turismo funciona de terça a domingo, das 9h às 17h30

Os ônibus circulam a cada 30 (trinta) minutos, percorrendo aproximadamente 45 km em cerca de três horas. O trajeto tem início na Praça Tiradentes, mas é possível começar o passeio em qualquer um dos pontos de parada do mapa abaixo.

O uso do Cartão Usuário com valores promocionais tem algumas restrições. Não serão permitidas utilizações repetidas no mesmo veículo e a reutilização somente estará habilitada após terem sido decorridos 30 minutos do último uso.

A Urbanização de Curitiba (Urbs), que gerencia o sistema, explica que para fazer o passeio com preço reduzido, apenas o cartão transporte usuário pessoa física que pode ser usado. O cartão que é dado por empresas não pode ser utilizado, já que por lei, essa passagem é para o deslocamento do funcionário para o trabalho.

Mudanças em maio
No último mês de maio, a Linha Turismo criou um cartão-transporte exclusivo que permite o embarque e desembarque ilimitados em qualquer parada do ônibus por um período de 24 horas (com intervalo de meia hora entre os embarques).

Antes, o turista recebia uma cartela de papel, em que apenas cinco reembarques eram permitidos.

Com a mudança o turista que preferir pode dividir o passeio em dois dias ou até repetir o percurso nesse prazo. O pagamento de R$ 50 é feito somente em dinheiro diretamente no ônibus.

 

Fonte: Gazeta do Povo.

Veja Também