BLOG

Jardim Botânico de Curitiba dentre os jardins mais belos do Brasil

Novidades

A revista Casa e Jardim selecionou 15 belos jardins abertos para visitação do Brasil e do mundo e o Jardim Botânico de Curitiba está na lista.

Brasil

1 – Jardim Botânico do Rio de Janeiro – Rio de Janeiro

Além de um dos mais bonitos atrativos turísticos do Rio de Janeiro, o Jardim Botânico do Rio de Janeiro abriga um espaço de 83 hectares de Mata Atlântica preservada no meio da cidade.

Foto: Wikimedia Commons / Creative Commons

 

2 – Jardim Botânico de Curitiba – Paraná

O Jardim Botânico de Curitiba foi inspirado nos jardins franceses e é um dos mais famosos cartões postais da cidade. Além da famosa estufa de metal, que abriga diversas espécies da fauna brasileira e uma fonte, existe um caminho chamado Jardim das Sensações, uma trilha de 200m em que o visitante faz o percurso de olhos vendados para desfrutar das plantas com os outros quatro sentidos.

Foto: Gabriel Rosa

 

3 – Jardim Botânico Plantarum, Nova Odessa – São Paulo

Criado para ser um centro de pesquisa, hoje os 80 mil metros quadrados de jardins temáticos são abertos ao público.

Foto: Plantarum / Divulgação

 

4 – Instituto Inhotim, Brumadinho – Minas Gerais

O Instituto Inhotim abriga uma vasta coleção de espécies raras de diversos lugares do mundo.

Foto: Wikimedia Commons / Creative Commons

 

5 – Jardim Botânico de Brasília – Distrito Federal

Com mais de 500 hectares de vegetação típica do cerrado, o Jardim Botânico de Brasília possui trilhas, playgrounds, área de piquenique, orquidário e um auditório.

Foto: Wikimedia Commons / Creative Commons

 

6 – Lago Negro, Gramado – Rio Grande do Sul

Conhecido como um dos atrativos turísticos mais visitados de Gramado, a história do Lago Negro é um pouco trágica. Em 1942, houve um incêndio na região que destruiu boa parte da vegetação local. Para controlar o fogo, os moradores abriram uma vala no solo que, posteriormente, foi transformado em um lago. Hoje a área é reflorestada e é possível passear por jardins de hortênsias e azaleias.

Foto: Wikimedia Commons / Creative Commons

 

7 – Amantikir Garden, Campos do Jordão – São Paulo

O nome Amantikir remete a uma lenda indígena antiga e é um espaço de 60 mil metros quadrados com 26 jardins temáticos que representam a beleza natural de diversos países.

Foto: Amantikir / Divulgação

 

Mundo

8 – Kenrokuen, Kanazawa – Japão

Construído ao longo de 200 anos a partir do século XVII, Kenrokuen é um dos três grandes jardins do Japão.

Foto: Wikimedia Commons / Creative Commons

 

9 – Nong Nooch Tropical Botanical Garden, Pattaya – Tailândia

Além de ser uma linda atração turística, o Jardim Botânico Tropical de Nong Nooch também é um importante centro científico dedicado as cicadáceas, com seu próprio banco genético do gênero.

Foto: Wikimedia Commons / Creative Commons

 

10 – Keukenhof, Lisse – Holanda

Sendo um dos maiores jardins de flores do mundo, 7 milhões de bulbos são plantados todos os anos para que Keukenhof receba seus visitantes com uma floração perfeita na primavera.

Foto: Wikimedia Commons / Creative Commons

 

11 – Peggy Rockefeller, Nova York – Estados Unidos

Com mais de 650 variedades de rosas, o Peggy Rockefeller no Jardim Botânico de Nova York é um dos jardins mais espetaculares do mundo.

Foto: Wikimedia Commons / Creative Commons

 

12 – Kew Royal Botanic Gardens, Kew – Reino Unido

Os Kew Royal Botanic Gardens, além de uma instituição de pesquisa renomada, abrigam mais de 40.000 espécies de plantas e diversos edifícios históricos, como o Palm House, da era vitoriana.

Foto: Wikimedia Commons / Creative Commons

 

13 – Jardins de Versailles, Versailles – França

Os jardins do Palácio de Versailles são um dos jardins mais lindos e famosos do mundo e recebe mais de 6 milhões de visitantes por ano.

Foto: Wikimedia Commons / Creative Commons

 

14 – Japanese Garden, Portland – Estados Unidos

Considerado o jardim japonês mais bonito fora do Japão, foi construído após a Segunda Guerra Mundial e segue a tradição japonesa de criar um espaço tranquilo para se conectar com a natureza.

Foto: Wikimedia Commons / Creative Commons

 

15 – Majorelle Garden, Marrakech – Marrocos

Famoso pela cor azul vibrante das construções, o jardim foi cultivado pelo pintor Jacques Marjorelle por quatro décadas, até ser comprado por Yves Saint Laurent e Pierre Bergé em 1980.

Foto: Wikimedia Commons / Creative Commons

 

Fonte: Casa e Jardim

Veja Também